Volume de vendas na edição deste ano da feira 40 Graus deve crescer entre 10 e 15%!

Renato Klein - Presidente do SindigrejinhaIndústrias de calçados de todo o Brasil se preparam para atender os mercados das regiões Norte e Nordeste do país. Com características culturais e climáticas diferenciadas, essas duas regiões vêm crescendo em consumo e importância para o setor, e são o foco da 40 Graus – Feira de Calçados e Acessórios, que será realizada nos dias 9, 10 e 11 de março de 2015, das 10h às 18h, no Centro de Convenções de Natal/RN.

E mesmo com as dificuldades enfrentadas pela indústria brasileira neste início de ano, as perspectivas para o evento são positivas. De acordo com o presidente do Sindicato das Indústrias de Calçados de Igrejinha, uma das entidades parceiras na promoção da feira, Renato Klein (foto), a expectativa é de que as vendas no evento cresçam entre 10 e 15% na comparação com a edição do ano passado. “Baseamos essa previsão na necessidade de o varejo local se abastecer e também em crescimento de toda a feira. Ela chega a sua terceira edição ainda mais forte, já é uma tradição da região”, destaca o dirigente.

Outra projeção animadora é em torno de número de lojistas que devem estar feira, especialmente de estados vizinhos ao Rio Grande do Norte. A perspectiva é de que, com a feira se tornando ainda mais conhecida, mais compradores passem pelos corredores do Centro de Convenções de Natal. O objetivo é abastecer esses mercados para vendas em duas datas importantes para eles, o Dia das Mães e as festas juninas. “Muitas das vendas da feira serão para abastecer os estoques para esse período de vendas, e os fabricantes sabem que precisam preparar algo especial para esses consumidores”, destaca Klein.

PARCEIROS – A 40 Graus conta com o apoio dos seguintes sindicatos: Sindicato da Indústria de Calçados de Estância Velha, Sindicato da Indústria de Calçados de Ivoti, Sindicato da Indústria de Calçados de Igrejinha, Sindicato da Indústria de Calçados de Novo Hamburgo, Sindicato da Indústria de Calçados de Parobé, Sindicato da Indústria de Calçados de Sapiranga e Sindicato da Indústria de Calçados de Três Coroas.

Volume de vendas na edição deste ano da feira 40 Graus deve crescer entre 10 e 15%!



VEJA MAIS SOBRE Economia


Lingerie e moda praia representam mercados em expansão . Saiba mais!

Segundo dados do IEMI – Inteligência de Mercado, o segmento de lingerie no Brasil deve registrar em 2017 um crescimento de 3,5% em número de peças produzidas (chegando a cerca de 818 milhões de peças) e de 8,9% em valor de produção (cerca de R$ 7,521 bilhões). E as tendências da moda contribuem para este […]

Leia mais

Grupo Boticário cresce 7,5% e fatura R$ 11,4 bi em 2016!

O Grupo Boticário, controlador das marcas O Boticário, Eudora, quem disse, berenice? e The Beauty Box, registrou faturamento de R$ 11,4 bilhões no varejo em 2016. O crescimento foi de 7,5% na comparação com 2015. Além da boa performance financeira, mesmo em meio a um cenário econômico bastante difícil, o Grupo Boticário também aumentou seu número de […]

Leia mais

Aprenda a fazer a Declaração do Imposto de Renda 2017!

Desde o dia 2 de março, a Receita Federal está recebendo a Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2017. A estimativa é que sejam enviadas 28,3 milhões de declarações até o prazo final, 28 de abril. A Agência Brasil preparou um passo a passo a fim de esclarecer as dúvidas sobre como preencher […]

Leia mais

10 estratégias de risco no planejamento da aposentadoria!

Planos não são garantia para um futuro financeiramente confortável. Em nossa cultura, o trabalhador se apoia na aposentadoria do INSS para chegar tranquilamente à terceira idade. E o erro começa aí, ao imaginar o conforto financeiro garantido pela previdência do governo. Mesmo aqueles que conhecem a realidade das contas do Estado procuram meios pouco eficientes […]

Leia mais

Dólar: Especialista recomenda compra imediata da moeda americana!

O momento é ideal para quem deseja ou precisa comprar dólar. As medidas por parte do presidente Michel Temer ao aprovar reformas da previdência e trabalhista valorizaram o real e têm mantido a moeda americana nos menores patamares desde junho de 2015. Ainda que o câmbio possa cair mais, o fundador da startup Bidollar (www.bidollar.com) […]

Leia mais

FAÇA ESTE BLOG SER AINDA MELHOR, ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *