Fuja de dietas e receitas genéricas para emagrecer!

unnamed“Quer emagrecer? Siga dieta ‘x’ que ‘x’ atriz fez e perdeu 10 kg em um mês!”. Quem nunca viu essas frases? É só ir à banquinha mais próxima ou abrir algum site feminino de variedades que palavras como essas estarão escritas. O problema é que nem sempre ressaltam que dietas malucas e genéricas não funcionam da mesma forma para todos.

Além disso, essas matérias tratam exclusivamente do físico, deixando de lado uma parte extremamente importante no emagrecimento saudável: as causas emocionais e psicológicas que te fazem engordar.

“Muitas pessoas seguem dietas de forma correta e praticam exercícios regularmente, porém, ainda assim, quando sobem na balança não emagreceram o que queriam. Por que isso acontece? Porque elas não estão dando a devida atenção

a algumas coisas que existem em sua cabeça (pensamentos, ideias, crenças) que podem estar, seguramente, bloqueando o emagrecimento definitivo.” É isso o que explica Cintia Seabra, Master Coach e Psicóloga Clínica que trabalha especialmente com o público que deseja emagrecer e já tentou de tudo mas que não obteve sucesso na empreitada.

Seabra lembra que as pessoas emagrecem de formas diferentes e que a maior parte dos serviços e produtos voltados para o emagrecimento não consideram a individualidade das pessoas, sua rotina, sua história de vida e sua personalidade. “Essa preocupação com o indivíduo só será encontrada quando a pessoa procura algum especialista no assunto, que poderá fazer as melhores perguntas para que a pessoa com sobrepeso/obesidade encontre as melhores respostas dentro dela.

“É alarmante o número de pessoas que investem ‘rios de dinheiro’ em nutricionistas, academias, remédios, programas estéticos e de emagrecimento dos mais variados e por fim, não conseguem levar adiante o objetivo de alcançar o peso desejado. Sabe por quê? Elas desistem no meio do caminho! Não é que elas fracassam, elas simplesmente desistem por não terem preparado a cabeça para o processo de emagrecimento”. Comenta a coach.

A ansiedade e o nervosismo, por exemplo, são dois fatores altamente importantes que podem prejudicar o emagrecimento – e muitas vezes passam despercebidos por profissionais que só trabalham com a parte física ou pela própria pessoa que está infeliz com o seu peso e decide seguir alguma dieta “da moda”. “A pessoa não consegue emagrecer, fica nervosa/ansiosa e, para matar essa ansiedade, o que ela faz? Ela ataca a geladeira. Essa é uma história comum que vejo acontecer diariamente: pessoas que descontam seus problemas e insatisfações com a vida na comida. Dessa forma realmente fica mais difícil alcançar o objetivo traçado: ter o corpo desejado”, ressalta Seabra.

“Por isso, antes de tudo, é preciso estar mentalmente saudável e entender que o emagrecimento começa pela cabeça. “A partir do momento em que a pessoa toma consciência da importância daquilo que ela pensa, acredita e sente, este desafio de emagrecer de vez, fica bem mais facilitado. Na verdade, aquilo que ela via como barreira ou bloqueio para seguir adiante e driblar o ponteiro da balança, não vai mais existir. E o melhor: ela não irá mais desistir no meio do caminho, ela agora terá reprogramado sua mente para emagrecer de forma definitiva”, conclui a especialista.

Ficou curioso sobre como trabalhar a mente para o emagrecimento saudável? Conheça melhor o treinamento “Desperte sua mente magra” ministrado pela coach: http://osegredodoemagrecimento.com.br

Fuja de dietas e receitas genéricas para emagrecer!



VEJA MAIS SOBRE Notícias


3 dicas para guardar corretamente o perfume predileto!

Já parou para pensar se o lugar que você escolheu em casa para os seus perfumes é realmente um lugar ideal? A avaliadora olfativa da Natura, Luciana Parra, afirma que esse fator é muito importante para manter a integridade e a durabilidade da fragrância por mais tempo. Fato muito difícil de ser levado em conta, […]

Leia mais

9 maiores dúvidas das mamães sobre sexo pós-parto. Vem saber!

Para solucionar estas e outras dúvidas, o site UOL entrevistou Alberto Guimarães, ginecologista, obstetra e um dos criadores do programa Parto Sem Medo; Cecilia Pereira, ginecologista da All Clinik, do Rio de Janeiro (RJ); Cristina Carneiro, ginecologista e obstetra, de São Paulo (SP); Domingos Mantelli, ginecologista e obstetra, autor do livro “Gestação: mitos e verdades […]

Leia mais

Exagerou na bebida? 6 dicas para evitar a ressaca!

Além da moderação e a da importância de não misturar muitos tipos de bebidas alcoólicas, existem outras formas bastante eficazes de prevenir uma ressaca ou de, pelo menos, atenuar as suas consequências. Em primeiro lugar, beba dois copos de água antes de sair de casa, depois, o melhor é comer antes de começar a beber. […]

Leia mais

Aprenda a queimar mais calorias durante a caminhada!

5 dicas para você queimar mais calorias durante a caminhada! 1. Aproveite as subidas. Se estiver andando ao ar livre, aproveite para subir montes. Na cidade, use ladeiras. 2. Prefira fazer tracking. Caminhadas ao ar livre, que forçam desvios de pedras e maior estabilidade corporal, são melhores para queimar calorias. Este tipo de caminhada também […]

Leia mais

Mulher grávida no volante – 4 dicas para dirigir com segurança!

O médico e supervisor de Saúde da Ford Brasil, Edson Kayanuma, lista algumas das medidas de segurança que devem ser consideradas pelas gestantes ao dirigir: • Grávidas devem usar o cinto de segurança de três pontos mantendo a faixa inferior abaixo da barriga, o mais justo possível. A faixa diagonal não deve ficar sobre a […]

Leia mais

FAÇA ESTE BLOG SER AINDA MELHOR, ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *